quinta-feira, 18 de junho de 2009

Manhãs de outono



Em manhãs de outono friazinhas e de céu azul, cafunés me infinitam.


Eric


3 comentários:

  1. Bom dia, meu caro!
    Alguns cafunés são eternos.

    ResponderExcluir
  2. Meu caro, senti boas cores em suas imagens, ouvi boas palavras de seus textos, fui muito bem recebido na visita que fiz ao seu blog. Grato também pela visita ao meu. Gostas de caminhar também? Abraço.

    ResponderExcluir
  3. Ah... já ia esquecendo.... as tardes de outono são nos cafés... mas lá também dá pra ter cafuné!!! rs..

    ResponderExcluir

 
BlogBlogs.Com.Br